segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Viver apenas três dias por semana é algo que não estou habituada. Dar e receber amor num horário programado não estava nos meus planos. Nada disto estava nos meus planos. Planos que fiz ao pensar que crescer era a única saída, ou melhor o fim de toda uma vida de luta e de algum desgaste não só físico como emocional.
Cresci e ao que parece entrei num mundo que de bom pouco tem. Não me refiro ao que faço durante 8 horas por dia. Refiro-me à vida que está à minha volta e eu não consigo acompanhar. Ao namorado que apesar de não pedir atenção sei que sofre por não a ter a 100% durante o horário de expediente. A uma casa que todos os dias reserva-me surpresas, como se isso ainda fosse possível! E a outras mais que neste momento não me lembro,mas que por vezes aparecem para mostrar que nada é perfeito. E que quando se trava uma batalha...a guerra raramente tem fim.

2 comentários:

ONG ALERTA disse...

Na vida podemso fazer opção tudo é uma questão de escolha, com sabedoria se consegue sempre, paz.

Bahzinha @ disse...

Nem tudo que acontece é muitas vezes perfeito. Mas isso são épocas e em breve passarão ;)